Pensar na sucessão familiar é uma tarefa que pode trazer desconforto, já que nas entrelinhas fica aquela sensação de não estar mais à frente do negócio. No entanto, se pararmos para analisar, é justamente o contrário. Pensar, planejar e organizar a sucessão familiar com antecedência é uma forma de garantir que a gestão da empresa permanecerá  respeitando os valores sobre os quais ela foi criada pelo seu fundador, e com as suas ideias e seus propósitos à frente do negócio.

E também é uma maneira de despertar aquela sensação de pertencimento em seus filhos, afinal, eles pertencem à sua família. E o seu negócio futuramente pertencerá a eles. Mas será que eles sabem como dar continuidade aos negócios e perpetuar o patrimônio familiar? Não seria este o momento de ensiná-los a prática?

Um dos principais desafios dos proprietários de grandes terras ou propriedades é a falta de comunicação na sucessão familiar. Até porque esbarra em assuntos delicados. 

Entretanto, preparar a sucessão com antecedência é a forma mais eficaz de garantir economia de tempo e de dinheiro, assegurando  também que o patrimônio da família se perpetue para as outras gerações. Tempo é importante para você aproveitar a vida e a família de outras formas; e dinheiro, necessário, não é? E a economia gerada na sucessão antecipada é tanta, que você poderá fazer seu negócio crescer ainda mais. 

Economia na sucessão – um pequeno exemplo

Com o passar dos anos, é natural sua atenção ficar mais voltada ao futuro dos filhos e à estabilidade de sua família. Quando eles eram crianças, você até pescava por eles. Nessas alturas do campeonato, provavelmente você já fez sua parte, ensinando-os a pescar. 

Agora, a melhor maneira de incentivá-los e garantir que eles tenham segurança e estabilidade, é deixar o barco pronto e o material de pesca organizado. E nessa perspectiva, é essencial um bom planejamento sucessório. Preparando-o com antecedência, a economia é certeira, veja só:

Se os trâmites da sucessão tiverem que ser feitos de última hora por seus herdeiros (afinal, por mais delicado que seja, o assunto é inevitável), os custos com impostos, honorários advocatícios, cartório, entre outros, ficarão em torno de 20% a 25%. Já se o processo for planejado e executado com antecedência, o custo reduz em, no mínimo, 75% , a depender do patrimônio. É muita economia!

Outros benefícios

Em geral, as pessoas não levam em consideração, mas com tudo organizado, você ainda conseguirá economizar tempo. E poderá aproveitá-lo da maneira mais adequada ao seu perfil. 

Vamos combinar, se você tem um patrimônio para fazer a gestão ou planejar a sucessão, é porque trabalhou a vida inteira para conquistá-lo. Então, chega um momento em que é preciso se dedicar àqueles projetos que você tanto queria, mas deixou de lado por um motivo ou outro.

Sem contar que, preparando a sucessão com antecedência, você terá o controle da situação, a tranquilidade de saber que sua família está segura e a garantia de que tudo foi feito da melhor forma.

Mesmo que você não conheça muito sobre o assunto, asseguramos que a economia de tempo é certeira. Vamos explicar o porquê.

Know how em sucessão

Na hora de decidir por qual caminho seguir e até para compreender como fazer a sucessão de modo a perpetuar a harmonia familiar, garantir que a gestão da empresa permaneça sob os valores que foi criada e ainda reduzir tanto o percentual das inevitáveis custas, vale a pena contar com especialistas no assunto. 

Promover uma sucessão com economia, eficiência e segurança é uma das especialidades da Terra Rossa, que está aqui justamente para apoiá-lo nessa caminhada. Para saber mais sobre o assunto, clique aqui e entre em contato. Conhecer melhor suas demandas, vai nos permitir apontar melhores direções.

WhatsApp WhatsApp